As 6 localidades que não devem perder em Marrocos

Viajar por Marrocos é descobrir uma variedade de cheiros, sabores e sensações. É ouvir o verdadeiro silêncio ao atravessar o deserto. É olhar as paisagens que se vão modificando aos poucos durante o caminho. Viajar por Marrocos é ter uma experiência incrível e, por isso, deixo-vos 6 dos locais que não podem mesmo perder se quiserem sentir tudo isto!

 

Chefchaouen

A medina de Chefchaouen, a norte de Marrocos, é possivelmente uma das mais facilmente reconhecíveis e catitas cidades marroquinas. As suas casas pintadas e decoradas de azul são a sua imagem de marca e o motivo pelo qual a apelidam de Pérola Azul, não a deixando, por isso, passar despercebida por entre as Montanhas do Rif. É, aliás, à sua proximidade com as montanhas, que se assemelham a cornos quando olhadas da medina, que deve o seu nome de Chefchaouen; traduzindo, Chefchaouen significa algo como “olhar os cornos”.

 

Ver esta publicação no Instagram

 

Uma publicação partilhada por Nádia Costa (@ideviajarmulher) a

 

Fez

Possivelmente uma das medinas mais labirinticas do mundo e Património Mundial da UNESCO desde 1981, a cidade imperial de Fez é um dos pólos culturais e comerciais de Marrocos. Nesta cidade de ruas estreitas, cheiros intensos, pessoas – muitas pessoas – contrastes sociais, lojas, bancas, vendedores ambulantes, cores, texturas e muita confusão é possível comprar de tudo um pouco, desde comida, a caxemira, bijuteria, candeeiros ou malas em pele curtida. São, aliás, os curtumes uma das principais atrações da cidade; cheiram tão mal que nos oferecem ramos de hortelã para aliviar a visita!

 

Ver esta publicação no Instagram

 

Uma publicação partilhada por Nádia Costa (@ideviajarmulher) a

 

Aït-Ben-Haddou

Igualmente cidade Património Mundial da UNESCO desde 1987 e palco da rodagem de filmes e séries como Gladiador, Lawrence of Arabia ou Game of Thrones é Aït-Ben-Haddou. Este local junto às montanhas do Atlas e pertencente à provincia de Ouarzazate – bastante ligada à produção cinematográfica e onde se encontram os Atlas Studios – parece autenticamente uma cidade perdida no tempo e que, ao longe, se assemelha a uma montanha de barro devido às suas construções de arquitetura típica do sul de Marrocos, em adobe.

 

Ver esta publicação no Instagram

 

Uma publicação partilhada por Nádia Costa (@ideviajarmulher) a

 

Marraquexe

A cidade de Marraquexe é uma das mais importantes e visitadas cidades de Marrocos. É nesta cidade, também ela Património Mundial da UNESCO desde 1985, que encontramos o maior Suq Berbere (mercado tradicional), a Praça Jemaa el-Fna, o Palácio da Bahia, o Parque Ménara ou a Mesquita da Cutubia, o edifício mais alto da medina. À noite, a cidade ganha uma nova vida ao encher-se com as luzes provenientes das tendas dos vendedores do Suq.

 

Casablanca

Casablanca é a capital económica de Marrocos, tem 5 milhões de habitantes e é lá que podemos visitar a maior mesquita de África e a segunda maior do mundo, a Mesquita Hassan II. Esta é a única Mesquita cujo interior é permitido visitar por marcação e cabem nela cerca de 80 mil pessoas. É realmente um complexo religioso enorme, lindíssimo e onde o minarete é capaz de fazer inveja a muitos arranha céus!

 

Ver esta publicação no Instagram

 

Uma publicação partilhada por Nádia Costa (@ideviajarmulher) a

 

Rabat

A capital administrativa de Marrocos é a cidade de Rabat. É aqui que mora a família real marroquina e onde podemos visitar o Mausoléu Mohamed V, onde estão sepultados o rei homólogo e os seus filhos, o rei Hassan II e o príncipe Mulai Abdalá. É também junto ao Mausoléu que podemos observar uma mesquita inacabada/destruída, sobre a qual não se sabe ao certo o que terá acontecido, mas que se julga ter sido destruída pelo mesmo maremoto que afetou Lisboa no ano de 1755.

 

Ver esta publicação no Instagram

 

Uma publicação partilhada por Nádia Costa (@ideviajarmulher) a

 

SE FORES VIAJAR
Aproveita os descontos abaixo quando estiveres a organizar a tua viagem:

 

Cartão Revolut: Regista-te com esta ligação e recebe um Cartão Revolut gratuito e aproveita, entre outras vantagens, as incríveis taxas de câmbio no estrangeiro.

 

Seguros de Viagem IATI: Faz o teu seguro de viagem na IATIIati seguros através do blogue e aproveita os 5% de desconto nos diferentes seguros especializados para viajantes.

 

Deixe um comentário

Close
%d bloggers like this: